A NASA diz que está a caminho de pousar a primeira mulher e o próximo homem na lua em 2024

A NASA compartilhou uma atualização sobre sua missão Artemis, que visa pousar a primeira mulher na lua em apenas quatro anos.

A agência espacial garantiu que a missão ainda está em andamento, com um lançamento não tripulado definido para 2021, antes de um lançamento tripulado em 2024.

Isso marcará a primeira vez que uma mulher pisou na lua – 52 anos depois que o homem pisou pela primeira vez na superfície lunar.

Volta busca descobertas científicas

Jim Bridenstine, administrador da NASA, disse: “Com o apoio bipartidário do Congresso, nosso esforço do século 21 para a Lua está bem ao alcance da América.”

“Conforme solidificamos mais nossos planos de exploração nos últimos meses, continuamos a refinar nosso orçamento e arquitetura.”

Estamos voltando à Lua em busca de descobertas científicas, benefícios econômicos e inspiração para uma nova geração de exploradores. À medida que construímos uma presença sustentável, também estamos construindo um impulso em direção aos primeiros passos humanos no Planeta Vermelho.”

As missões lunares serão lançadas usando o poderoso novo foguete da NASA – o Sistema de Lançamento Espacial (SLS).

Foto: (reprodução/internet)

O SLS será lançado em um voo de teste ao redor da lua com a espaçonave Orion em 2021 sem astronautas.

Dois anos depois, outro vôo de teste ao redor da lua acontecerá, desta vez com astronautas a bordo.

Finalmente, em 2024, a NASA tentará pousar no Pólo Sul lunar, com uma astronauta dando o primeiro passo para a superfície.

Enquanto estiverem na lua, os astronautas coletarão amostras e conduzirão uma série de experimentos científicos ao longo de quase sete dias.

Eles então retornarão à órbita lunar antes de retornar à Terra a bordo do Orion.

Veja também: A NASA diz que um asteróide do tamanho do London Eye vai deslizar pela Terra na próxima semana

Portal lunar pode servir de base para missões

O foco atual da NASA está no portal lunar – uma estação orbital poderia servir como um pitstop para missões à lua.

Ele explicava: “Embora a NASA não tenha tomado uma decisão final de usar o Portal para Artemis III, Artemis IV e além enviará a tripulação a bordo do Orion para atracar no Portal, onde dois membros da tripulação podem ficar a bordo da nave em órbita enquanto dois vão para a superfície.”

“Com o tempo, o posto avançado irá evoluir, com novos módulos adicionados por parceiros internacionais, permitindo que os membros da tripulação conduzam missões lunares cada vez mais longas.”

Enquanto isso, a NASA também está trabalhando em conceitos para edifícios na lua, o que poderia permitir uma expedição futura com mais tripulação.

Ele acrescentou: “Esse conceito exige um acampamento base Artemis que incluiria novos rovers, sistemas de energia, habitats e muito mais na superfície para exploração de longo prazo da Lua.”

Traduzido e adaptado por equipe Minilua

Fonte: Mirror