A ciência dos alimentos: Sonhos #6

E chegamos à sexta parte do especial. Nela, você confere conosco, um pouquinho mais sobre os sonhos. Uma boa leitura!




1) Qual a origem do doce?

Criado na Europa, ele é originário da Alemanha. Bastante cultuado, ele é formado por um creme pasteleiro e por um bolo recheado. Ainda em seu país de origem, diferentes conotações. Da conhecida “Berliner” a sofisticada “Berliner Ball”.




2) O que difere a versão alemã da brasileira?

De modo geral, pelos ingredientes utilizados. Seja através do chocolate, ou ainda, do champagne e do licor advocaat.




3) No seu preparo, quais os principais condimentos?

Uma questão complicada. Em alguns países do mundo, por exemplo, o preparo feito à base de morango ou framboesa. Já no Brasil, o seu incremento por meio de nata, goiaba ou doce de leite.




4) Em que países ele é encontrado?

Diversos, na realidade. Entre os mais conhecidos, a Alemanha, França, Brasil e Portugal. Neste último, a sua comercialização nas padarias e pastelarias.




5) Como prepará-lo?

Basicamente, através de duas formas principais: assada ou frita. Em relação à massa, apenas um cuidado: o de deixá-la ressecada demais ou fora de ponto.




6) Que ingredientes devo utilizar?

A massa em si, deverá conter os seguintes ingredientes: 01 pitada de sal, 03 gemas, 45 gramas de fermento de pão, 01 xícara (chá) de leite morno, ½ xícara (chá) de manteiga, ½ xícara de leite condensado e 05 xícaras (chá) de farinha de trigo.




7) Bom, e para o recheio, o que devo fazer?

Para o recheio, utilize canela em pó e açúcar para polvilhar. Além destes, você deverá utilizar:

½ lata de leite condensado

½ medida (da lata) de leite

½ colher (sopa) de maisena

1 gema

200 gramas de creme de leite

E claro, não menos importante, o óleo para fritura

Receba mais em seu e-mail
Topo