Minilua

7 coisas bizarras que acontecem com o corpo humano no espaço

Três astronautas: Scott Kelly, Mikhail Kornienko e Serguei Volkov, passaram uma longa temporada na Estação Espacial Internacional (ISS) como parte de uma pesquisa sobre como um voo espacial de longa duração muda o corpo humano. Tudo isso porque a NASA pretende enviar homens à Marte até 2030. Os resultados são curiosos.

1. Perda de densidade óssea

O corpo na Terra é acostumado com a força gravitacional que o coloca para baixo. No espaço não existe gravidade, por isso, como o corpo não pesa, os músculos encolhem e absorvem o tecido que sobra. Isso faz com que o corpo perca grande densidade muscular e óssea.

2. Insônia

Apesar dos corpos flutuarem facilmente, não sendo necessário camas confortáveis para se sentirem relaxados, os astronautas reclamaram de não conseguir dormir mais do que 6 horas por dia.

3. O corpo aumenta de tamanho

Também em decorrência da ausência de gravidade, os corpos aumentam de tamanho. A espinha estica e a pessoa fica mais alta no espaço.

4. A visão piora

A pressurização pode danificar a visão dos humanos no espaço. Essas mudanças podem estar relacionadas com o fato de os astronautas viverem em queda livre. Por isso, todos os tripulantes fazem exames constantes nos olhos para entender como o espaço pode danificar a visão.

5. O sangue “emperra” nas veias

No espaço, as pernas não recebem a mesma quantidade de sangue em comparação com a abundância de fluídos que recebe na Terra. Apesar de o coração continuar bombeando sangue suficiente para os membros inferiores, os vasos sanguíneos da perna tornam-se preguiçosos com a falta de gravidade.

Em virtude disso, ao retornarem para a Terra é comum que os astronautas sofram com tonturas e desmaios.

6. O rosto incha

Enquanto os líquidos do corpo se espalhem igualmente em todo o corpo no espaço, na Terra eles são distribuídos de forma desigual, acumulando-se nos membros inferiores (pernas e pés). Por isso, ao permanecerem no espaço, o rosto fica inchado.

7. Aumento do risco de câncer

A Terra possui um campo magnético que protege o planeta da radiação. No espaço esse campo não existe. Como se sabe, a exposição excessiva a radiação aumenta o risco de câncer.

Depois dessas descobertas muita gente já deve ter desistido de dar uma passeada pelo espaço, não acha?

<-- /home/minilua/public_html/wp-content/cache/static/https/minilua.com/7-coisas-bizarras-que-acontecem-com-o-corpo-humano-no-espaco/amp/index.html //-->