5 disfunções mentais mais controversas da psiquiatria

Ao longo da história, a ciência ou a pseudociência, juntamente com algumas linhas de pensamento psiquiátrico, tem sido utilizada para estigmatizar e controlar as pessoas, principalmente os que expressam o seu pensamento livre ou os que são contra determinado sistema social ou político.

Vamos apresentar uma lista com os 5 transtornos mentais controversos e que já foram apoiados por cientistas.




1 - Transtorno de Personalidade

trastorno-bipolar2

O que define um transtorno de personalidade é “um padrão persistente de vivência íntima e comportamento que se desvia acentuadamente das expectativas da cultura do indivíduo que a exibe”. Esta definição levanta uma questão muito importante sobre todos os ditos distúrbios psicológicos, pois a maioria deles está ligada aos padrões culturais de normalidade.

Se você não se enquadra no que a sociedade quer que você seja, um possível diagnóstico mental pode te perseguir; as palavras desordem ou doença implicam uma desvantagem, uma incapacidade de funcionar com sucesso. Bill Gates é considerado por muitos como autista e isto não fez com que ele fosse incapaz, muito pelo contrário.




2 - ADHD

P_ADHD1

O ADHD, ou TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade) é um transtorno que se caracteriza por sintomas de desatenção, inquietude e hiperatividade. um transtorno que aparece logo na infância e na maioria das vezes acompanha o indivíduo até a fase adulta. Desde a infância, pessoas com ADHD são tidas como inquietas e avoadas.

Uma gigantesca e rica indústria se desenvolveu em torno desta doença mental. Nos Estados Unidos cerca de seis milhões de crianças foram diagnosticadas com este transtorno, onde é receitada uma série de remédios, a maioria com efeitos colaterais terríveis como dores de cabeça crônicas, pressão alta, letargia, convulsões, enfraquecimento do sistema imunológico, crescimento atrofiado, depressão, pensamentos suicidas, etc.

Pesquisas apontam que uma dieta rica em açúcar refinado, glúten e lactose podem também causar os sintomas deste transtorno.




3 - Autismo

Este item pode causar certa polêmica, mas os pontos levantados aqui sobre o motivo do Autismo é a falta de objetividade médica em relação aos fatores determinantes do autismo, o que existe é uma lista vaga de características comportamentais que podem te enquadrar como autista.

Os sintomas que foram determinados pela Sociedade Americana de Autismo incluem a insistência na mesmice, contato com os olhos pouco ou nenhum, fixação com determinados objetos ou assuntos, e preferência a estar sozinho. Estes sintomas vagos podem fazer com que uma criança que seja diferente, tímida ou introvertida seja diagnosticada ou tenha suspeita de autismo e passe a ser tratada com medicação e acompanhamento especial.




4 - Ortorexia Nervosa

shutterstock_145379947

Segundo o seu descobridor, Steven Bratman, a ortorexia também conhecida como “Distúrbio da Alimentação Saudável” é uma fixação por comer alimentos saudáveis e evitando assim excessos de açúcar, gordura, sal, álcool, conservantes, glúten e etc. Esta condição não é reconhecida oficialmente pela Associação Psiquiátrica Americana, mas é promovida por alguns grupos.




5 - Quimiofobia

cert

Apesar de que a palavra traduzida literalmente signifique “medo de produtos químicos”, este termo é utilizado por psicólogos, cientistas e organizações para descrever as pessoas que tem preocupações com o artificial, principalmente no quesito alimentação. Alguns artigos científicos enfatizam que a ideia de que os nossos corpos estão se tornando verdadeiras lixeiras de produtos químicos industrializados é totalmente equivocada, é uma paranoia que precisa ser combatida. Um “distúrbio mental” bem inconveniente para a indústria alimentícia.

Boa parte destas “desordens” são frutos de uma sociedade que quer enquadrar o ser humano de qualquer jeito, o diferente sempre vai ser rotulado até que ele se submeta ao senso comum.

Fonte: Jornal Ciência

Curtiu? Comenta aí!

Reaja! Comente!
Topo