Carregando...      
Selecione uma categoria »  Curiosidades · Humor · Animes · Games · Filmes · Música · Assustador · Nostalgia · Religião · Adulto +18
Sobre o Minilua Parcerias Contato
Aguarde alguns segundos...

169 Casos macabros #9: Jeffrey Dahmer 

Próxima matéria » + AssustadorNota: 10

Se você possui problemas cardíacos, a leitura deste conteúdo pode não ser recomendada.
Neste caso clique aqui para ler outro artigo.

No último post da série falamos sobre os Canibais de Pernambuco, que pegavam mulheres e as assassinavam para depois comer seus pedaços ou mesmo vende-los em forma de coxinhas para outras pessoas. Hoje falaremos de outro canibal:

Jeffrey Dahmer

jeffrey-dahmer

Nascido em uma família americana normal, Jeffrey teve uma infância comum até seus dez anos se tumblr_lwwa6nkV7q1qdt33vo1_500idade, quando começou a se atrair por animais mortos, os quais dissecava e usava ácidos em seus ossos. Dizem que ele torturava e matava os animais, porém seu pai revelou que Dahmer pegava-os mortos na estrada.

Mas apesar dessa mania estranha, Jeffrey Dahmer viveu sua adolescência normalmente, até que com 18 anos ele começou a mudar:

“Era uma noite como outra qualquer e Jeffrey resolveu sair com sua camionete para beber em alguma bar da cidade, assim ele poderia deixar os problemas de lado e esquecer o quanto era pedindocaronatriste tem que conviver com a separação de seus pais e sua falta de capacidade em conseguir entrar na faculdade.

Dahmer pegou uma autopista para chegar ao centro, porém no meio do caminho havia alguém a beira da estrada pedindo carona, naquele momento alguma coisa despertou dentro dele, que resolveu parar o carro e ajudar o estranho, pois a noite poderia acabar melhor do que imaginava.

Com uma boa conversa, Jeffrey convenceu o homem que pediu carona a ir até sua casa para tomarem alguma coisa e baterem um papo. Enquanto conversavam e bebiam, o clima entre os dois esquentou e acabaram indo para cama juntos. Depois disso, o homem quis ir embora, mas Dahmer não queria deixar e acabou atacado sua companhia com um pedaço de ferro, bastou uma batida na cabeça para que ele desmaiasse.

fb22

Vendo o homem desfalecido no chão de sua casa, Jeffrey sentiu vontade de esfaqueá-lo e cortar todo seu corpo. Rapidamente ele foi até a cozinha e pegou a maior faca que tinha, já em cima do desfalecido, passou a faca de leve pelo pescoço, mas sem cortar. Aquilo o deixa excitado, por isso BLOODY KNIFE 2perdeu um tempo apenas simulando, até que não aguentou mais e enfiou a faca na barriga do homem, empurrando com força a fez entrar ainda mais fundo até sujar sua mão com o sangue quente.

Depois de esfaqueá-lo umas três vezes na barriga, Dahmer resolveu cortar o pescoço do ser agonizante, vagarosamente ele o cortou, vendo o sangue se espalhar por todo o chão e enquanto o homem morria, Jeffrey ficava mais excitado. Por isso ele ainda fez sexo com o corpo do homem antes de enterra-lo.”

Ninguém ficou sabendo sobre esse assassinato e nem houve investigação. E como Dahmer andava bebendo demais, seu pai lhe obrigou a escolher entre o trabalho e o Exército, pois havia falhado em conseguir uma vaga na faculdade. Por isso Jeffrey foi servir seu país por seis anos, mas só durou 2, pois acabou expulso devido aos problemas com álcool.

jeffrey_ dahmer

Já em 1987, quando tinha 27 anos, o lado assassino de Jeffrey voltou a aparecer. Em uma noite, em um quarto de hotel, mais um homem foi morto por ele, que contou nem se lembrar de como havia feito aquilo, pois havia bebido demais. Quando acordou e viu o corpo ao seu lado, Dahmer jeffrey-dahmer-bio-crime-scene-photo-documentary-05deu um jeito de leva-lo até seu carro e foi para casa. Chegando lá estuprou o cadáver, se masturbou e sujou todo o morto, para no fim esquarteja-lo, porque só assim ele se sentia satisfeito completamente.

Logo depois disso sua próxima vítima foi uma pequena garota de 14 anos, mas não foi nenhum desses crimes que levaram Jeffrey a julgamento e sim a acusação de ter molestado um adolescente. Por esse crime ele pegou um ano no regime semiaberto e mais 5 de condicional. Em menos de um ano ele estava nas ruas de novo.

Depois disso, Dahmer tinha se tornando um completo psicopata, ia a bares gays e levava homens para sua casa, dava a eles bebidas com remédios sedativos e os estuprava enquanto dormiam. Porém isso não era o bastante. Por esse motivo os matava e abusava sexualmente de novo, para no fim esquarteja-los. Após algumas mortes, ele começou guardar pedaços dos corpos, começando por um crânio, que deixava exposto em sua casa e dizia aos outros tratar-se de algo para estudos.

cranio

Parece que a cada assassinato ele ficava mais louco, tentou até criar zumbis, injetando ácido no crânio de vítimas sedadas na esperança que elas virassem uma espécie de “morto vivo” que ele poderia controlar. Sua loucura era tão grande que uma vez quase foi pego, mas conseguiu enganar a polícia que o escoltou até seu apartamento com uma vítima. Logo que eles saíram de lá, Dahmer matou o menino, assim como fazia com todos os outros.

Unspeakable Crimes

Com uma média incrível de um assassinato por semana, Jeffrey acabou sendo descoberto pela polícia e preso em seu apartamento, que estava cheio de pedaços de corpos. Existia uma parede mirrors_gorecheia de crânios e ossos, além de haver algumas cabeças na geladeira.

Para se livrar dos corpos, ele tentava dissolve-los em ácido, mas como era demorado, começou a comer os pedaços e contou a polícia que ficava excitado com isso e tinha ereções enquanto comia a carne daqueles homens mortos.

Jeffrey foi a julgamento e pegou 15 perpétuas. Na hora que sua pena foi dita, ele declarou que gostaria de estar morto e agradeceu a Deus por não permitir que ele matasse de novo, pois Jesus o perdoaria.

jeffrey dahmer interview

Felizmente Dahmer não durou muito na cadeia, em 1994 um presidiário negro o atacou com um porrete de ferro, acertando em sua cabeça e para completar enfiou o cabo no olho de Jeffrey, que morreu a caminho do hospital.

Se você gosta dessa série curta esse post para que ela tenha uma continuação!

Me siga no Twitter: @Diego_minilua ou me adicione ace:http://www.facebook.com/diegominilua.

Não esqueça de avaliar SEMPRE. O que você achou desta matéria?
Não gostei Sim, gostei
Leia as outras partes desta série:

Ver todas desta série

Publicado em 2 de maio de 2012 (2 anos atrás)

Próxima matéria » + AssustadorNota: 10

Publicado em 2 de maio de 2012 (2 anos atrás) por Diego Martins em "Assustador". Encontrou um erro? Clique aqui. Editar
Reaja! Comente!  





Iniciando...