Carregando...      
Categorias »  Curiosidades · Humor · Animes, Games e Filmes · Música · Assustador · Nostalgia · Religião · Adulto +18
Sobre o Minilua Parcerias Contato
Aguarde alguns segundos...

197 Casos macabros #8: Canibais de Pernambuco 

* Esta matéria faz parte de uma série com 14 matérias na mesma temática. Clique aqui para ver todas.

* Se você possui problemas cardíacos, a leitura deste conteúdo pode não ser recomendada. Neste caso clique aqui para ler outro artigo.

No último post da série falamos sobre Gary Ridgway, o homem que matou mais de quarenta mulheres. Hoje falaremos do caso que está chocando o Brasil:

 

 

Os canibais de Pernambuco

foto_13042012201524

Gisele Helena da Silva era uma mulher de 31 anos, que no início de 2012 estava procurando michael_myers_estrangulandoemprego, por sorte ela conheceu Isabel Cristina, que lhe ofereceu uma oportunidade para trabalhar como babá, assim sendo ela pegou o endereço da mulher e foi para a entrevista com a esperança de sair empregada ainda aquele dia.

Gisele chegou a tarde e bateu na porta, esperando se atendida. Logo Isabel abriu a porta e pediu para que a mulher entrasse, mas antes que pudesse fazer algo, ela foi pega por um homem, que lhe passou os braços pelo pescoço e apertou com toda a força. Gisele se debateu com toda energia que seu corpo tinha, mas o homem era forte e bem treinado, e naquele momento não havia mais jeito dela sobreviver, sua morte era certa apenas questão de tempo.

Ela não era à primeira nem seria a última, pois os assassinos tinham seus planos e mais uma vez uma mulher recebeu a oferta de emprego e compareceu à casa para a entrevista, ela era Alexandra da Silva. Logo que entrou foi atacado pelo homem, que cortou seu pescoço profundamente e apenas esperou mulher perder suas forças e a vida ir embora, enquanto o sangue escorria pelo seu corpo.

a20

CAPÍTULO XXVI do livro de Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, mais um dos assassinos canibais.


tsunami-gruesome002A DIVIDIDA
Vejo aquele corpo no chão, Jéssica desconfia que ainda se encontre com vida, pego uma corda, faço uma forca e coloco no pescoço do corpo, puxo para o banheiro e ligo o chuveiro para todo o sangue escorrer pelo ralo. Ao olhar para o corpo já sem vida da adolescente do mal, sinto um alívio. Pego uma lamina e começo a retirar toda a sua pele, e logo depois à divido. Eu, Bel e Jéssica nos alimentamos com a carne do mal, como o se fosse um ritual de purificação, e o resto eu enterro no nosso quintal, cada parte em um lugar diferente…”

Para os três assassinos canibais matar suas vítimas não era o bastante, pois sua seita chamada Cartel pregava a diminuição populacional, e eles queriam mais, queriam ser purificarem com a carne das mortas, por isso depois de mata-las, os três tiravam a pele e cortavam o corpo das mortas como se fossem de um animal. Guardando as partes na geladeira, afinal eles comeriam tudo em atos de purificação.

encontrada-distribuidora-JK-pessimo-consumo_ACRIMA20110606_0106_21

Junto com eles uma garotinha de cinco anos acompanhava tudo, porém ela não é era da família, na verdade era filha de uma vítima antiga, mas como não passava de um bebê quando sua mãe foi morta e devorada, ela foi adotada pelos assassinos, que a faziam participar de seus rituais macabros.

Jorge Beltrão Negromonte da Silveira

O trio de canibais era comandado por Jorge Negromonte da Silveira de 51 anos, ele era casado com Isabel Cristina Torreão Pires da Silveira da mesma idade e junto com os dois vivia a amante dele, que era Bruna Cristina Oliveira da Silva. Todos os dias a mulher mais velha saia para vender empadas e coxinhas, porém mal sabiam os compradores que aquelas delícias eram recheadas com a carne das mulheres mortas, assim sendo muitas pessoas certamente comeram carne humana sem saberem.

“Depois que eles esquartejavam, a carne era congelada, desfiada e também utilizada para alimentar a família, inclusive dando partes dos corpos para a criança que morava com o trio. Além disso, segundo Isabel, a parte preferida era o coração das vítimas. Mas nada sobrava. Eles também usavam o fígado e os músculos das pernas que eram fervidos e ingeridos, numa espécie de ritual macabro.”, contou o delegado responsável pela investigação..

heart

Certamente essa família macabra é culpada de muitas outras mortes, pois eles agiam a muitos anos, matando, se alimentando e vendendo carne humana. Os três eram tão confiantes que em tudo que faziam que registravam em um livro de horrores os detalhes dos crimes e eles só foram pegos quando usaram o cartão de uma das vítimas, caso contrário ainda estariam por aí matando e comendo pessoas, como se isso fosse a coisa mais normal desse mundo.

6492691-ermordeten-frau-auf-eine-konkrete-keller-stockwerk-mit-blut-splatter-und-blut-in-einer-frischen-krim

Atualmente os canibais de Pernambuco estão presos e logo devem ser julgados em um dos casos mais macabros e demoníacos que o Brasil já viu…

CAPÍTULO XXIV
O PLANO MACABRO DE DESTRUIR A ADOLESCENTE MALDITA
Um dia eu aproveitando que a adolescente do mal não estava, combinei com Bel e com Jéssica um modo de destruí-la, e chegamos a uma conclusão: Matá-la, dividi-la e enterrá-la. Só que cada parte dela em um lugar diferente. Era uma noite de chuva forte, relâmpagos e trovoadas. A criatura do mal estava em um quarto da casa; olho para Bel e para Jéssica com um olhar de que aquela noite seria o momento certo para destruir o mal. “Todo ser humano tem instinto assassino, e tal instinto é liberado em situações como essa. O homem também é o único ser que mata por prazer, mas até o matar por prazer é uma espécie de autoproteção do seu eu…”

Se você gosta dessa série curta esse post para que ela tenha uma continuação!

Me siga no Twitter: @Diego_minilua ou me adicione ace:http://www.facebook.com/diegominilua.

Não esqueça de avaliar SEMPRE. O que você achou desta matéria?
Não gostei Sim, gostei
Leia as outras partes desta série:

Ver todas desta série

Publicado em 16 de abril de 2012 (2 anos atrás)

Próxima matéria » + AssustadorNota: 10

Publicado em 16 de abril de 2012 (2 anos atrás) por Diego Martins em "Assustador". Encontrou um erro? Clique aqui. Editar
Reaja! Comente!  





Iniciando...